SLAG - SLAG



Quando eu coloquei este som do SLAG para tocar, fiquei na expectativa e com aquele pensamento, esperando ver se realmente me mostrariam algo forte dentro do Grindcore que praticam, ou se era similar a muito do que se houve em alguns momentos. Felizmente, eles não me decepcionaram nem um pouco. Assim como seus conterrâneos do BANNI CONFLICT, estes caras vieram pra arrebentar com um Grind no melhor estilo gore, além disso, boa parte das músicas tem um certo pé no Crust. A abertura com uma baladinha meio bossa nova no violão de ‘Fábrica de idiotas’ é algo inesperado, que pode fazer o ouvinte achar que é sacanagem, mas é aí que se engana, porque logo vem a pancadaria. Os bons destaques aqui ficam por conta da altamente rápida ‘Os idiotas estão por toda a parte’, que tem muito pra ser um dos clássicos da banda, assim como ‘Essência humana’. O solo e as bases do baixo de ‘Sulfato de sabultamol’ são de dar gosto de ouvir, a batera de ‘Democracia’ é insana, e o ápice do caos culmina com o fechamento ‘Bijux usadas’. Excelente trabalho, recomendo.

Por Écio Souza Diniz

Faixas:
1-Fabrica de idiotas
2-Sala redonda
3-Os idiotas estão por toda parte
4-A essência humana
5-Perverso, porém útil
6-O chester, a galinha preta e a bandeira
7-Sulfato de sabultamol
8-Democracia
9-Vagina com catraca
10-Bijux usadas



Um comentário:

Mais visitadas